terça-feira, 31 de maio de 2016

Danos causados por chuva fazem passagem da tocha ser cancelada em Olinda

(Foto: Reprodução)


A passagem da tocha olímpica será encurtada por conta de problemas meteorológicos. A Prefeitura de Olinda informou, na manhã desta terça-feira (31), que o objeto, que é símbolo dos Jogos Olímpicos, não passará pela cidade por conta dos transtornos causados pela chuva que afeta a cidade.

Nesta segunda-feira (30), quatro pessoas morreram vítimas do temporal que caiu no Grande Recife, sendo três delas vítimas de um deslizamento em Olinda. A informação foi confirmada pela coordenadoria de Defesa Civil de Pernambuco.

Na capital pernambucana, de acordo com a Secretaria Executiva de Defesa Civil do Recife, em um intervalo de seis horas (entre a meia-noite e as 6 horas desta segunda-feira, 30), já havia chovido o equivalente a 36% do previsto para todo o mês de maio.

No início da manhã de segunda (30), a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) emitiu um alerta de chuva forte até a manhã de terça-feira (31) em toda a Zona da Mata e na região metropolitana.

Ainda de acordo com dados da Defesa Civil da capital, o acumulado de chuva na cidade chegou a 118 milímetros. O número representa 35,97% da média histórica de precipitações no mês, que corresponde a 328 mm.

UOL Esporte