domingo, 15 de maio de 2016

Rogerinho é campeão na França e entra de vez na briga por vaga na Rio-16

(Foto: RODRIGO BUENDIA / AFP)


Rogério Dutra Silva, o Rogerinho, entrou de vez na briga por uma vaga nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em agosto. Neste domingo, o brasileiro derrotou o americano Bjorn Frantagelo (116º do mundo) por 2 sets a 0 (6-3 e 6-1) e conquistou o título do Challenger de Bordeaux (FRA). Com isso, ganhará nove posições no ranking mundial a ser divulgado nesta segunda-feira pela ATP. Ele passará da 94ª para a 85ª posição.

No ranking olímpico, que será fechado em 6 de junho, e classifica os 56 melhores diretamente para a Olimpíada - respeitando sempre o limite de quatro jogadores por país - ele deverá aparecer por volta da 68ª posição. Este número ainda não leva em conta desistências já certas dos Jogos como as de Dominic Thiem (15º), John Isner (16º), Feliciano López (22º) e Bernard Tomic (23º). Além disso, alguns tenistas podem ficar fora dos Jogos por não cumprirem os requisitos mínimos de participação na Copa Davis impostos pela Federação Internacional de Tênis (ITF, na sigla em inglês).

Até o fechamento da lista, o brasileiro ainda disputará o qualifying de Roland Garros e chave principal se conquistar vaga. Ele ainda poderá disputar um outro challenger entre os dias 30 de maio e 5 de junho caso não consiga a vaga no Slam ou seja eliminado ainda na primeira semana.

Como não tem pontos a defender no ranking mundial, Rogerinho tem boas chances de subir na lista para tentar disputar a primeira Olimpíada de sua carreira aos 32 anos de idade.

O título deste domingo foi o primeiro de Rogerinho em um Challenger deste outubro do ano passado, quando levou a taça em Santiago.

Bellucci está quase dentro da Olimpíada

Thomaz Bellucci está praticamente garantido nos Jogos do Rio de Janeiro. Ainda que não consiga defender os 295 pontos que conquistou em 2015 até o dia 16 de junho, dificilmente deixará o top 56 do ranking olímpico.

Ainda que isso aconteça, ele só precisaria ficar à frente de Rogerinho na lista geral para ter direito à vaga dada ao país-sede. No ranking a ser divulgado nesta segunda-feira, Bellucci vai aparecer com 1.055 pontos, contra 686 do compatriota.

UOL Esporte