quinta-feira, 21 de julho de 2016

Sauber é vendida a grupo suíço e garante seu futuro na F1

(Foto: Charles Coates/Getty Images/AFP)


A Sauber anunciou uma mudança de propriedade que, de acordo com o fundador Peter Sauber, garante o futuro da equipe.

Foi revelado no mês passado que a Sauber havia encontrado uma solução para salvá-la do colapso, e agora foi anunciado que a Longbow Finance SA adquiriu a Sauber Holding AG, companhia mãe do Grupo Sauber.

A Sauber afirmou que não haverá mudanças no nome da equipe ou da companhia, mas Peter Sauber vai se aposentar, abrindo mão de seu cargo de presidente do conselho de diretores. Monisha Kaltenborn continuará liderando a companhia como CEO e chefe da equipe.

Sauber será substituído por Pascal Picci na presidência da Sauber Holding AG. Picci é presidente e CEO da Longbow Finance, que atua na área de investimentos financeiros há mais de 20 anos.

“Na terça-feira, Monisha Kaltenborn e eu assinamos um acordo que assegura o futuro da equipe de Fórmula 1 e do Grupo Sauber”, declarou Sauber. “Estou muito feliz com meu investimento corajoso de comprar a equipe de volta seis anos atrás, com a intenção de garantir a sede em Hinwill e o lugar na F1 provando ser correta”.

Kaltenborn acrescentou: “Estamos convencidos de que a Longbow Finance SA é a parceira perfeita para tornar novamente a equipe competitiva e bem sucedida na F1”.

“Ao mesmo tempo, a nova estrutura nos permitirá finalmente expandir os negócios nos quais comercializamos nosso conhecimento. Esta solução é a melhor para nossos funcionários, parceiros, fornecedores leais, a sede em Hinwil e o automobilismo suíço”.

Lance