domingo, 7 de agosto de 2016

Em sua primeira edição dos Jogos, Kosovo ganha ouro no judô

(Foto: Getty Images/Laurence Griffiths)


O Kosovo precisou de apenas dois dias nos Jogos Olímpicos para conquistar uma medalha de ouro. Estreante no cenário Olímpico, o país viu sua bandeira ser hasteada no lugar mais alto do pódio neste domingo (7), após a vitória de Majlinda Kelmendi na categoria até 52kg do judô. A tarde vivida na Arena Carioca 2 será lembrada para sempre na história esportiva do país. 

Kelmendi, que competiu nos Jogos Londres 2012 pela Albânia, venceu quatro combates para conquistar a primeira medalha da história de seu país. Na decisão, a atleta do Kosovo derrotou a italiana Giuffrida Odette. 

"Estou muito feliz. Vim aqui para ganhar essa medalha, mas a sensação é incrível. É a primeira vez que o Kosovo vem aos Jogos e ganhar um ouro na estreia é fantástico. Significa muito para o país, especialmente para as crianças. Mostra a elas que mesmo sendo uma nação que sobreviveu à guerra, podemos ter o que quisermos se nos dedicarmos", disse a judoca, após o último combate. 
A brasileira Érika Miranda chegou à luta que valia o bronze, mas perdeu para a japonesa Misato Nakamura no Golden Score. O outro bronze ficou com a russa Natalia Kuziutina. 

O Brasil também teve um representante masculino em ação neste domingo, Charles Chibana, na categoria até 66kg. O brasileiro, no entanto, caiu logo na primeira rodada, quando foi derrotado pelo japonês Masashi Ebinuma, que ficou com o bronze. O ouro da categoria foi para o italiano Fabio Basile, que levou a melhor sobre Baul An, da República da Coreia, na decisão. Rishod Sobirov, do Uzbequistão, conquistou o outro bronze. 

Nesta segunda (8), as duas categorias do judô em disputa serão até 57kg feminino, onde o Brasil será representado pela campeã mundial Rafaela Silva, e até 73kg masculino, que terá Alex Pombo no tatame.

Rio 2016