sábado, 6 de agosto de 2016

Felipe Wu leva primeira medalha do Brasil na Rio 2016

(Foto: Edgard Garrido/Reuters)

Por Nicholas Araujo
Rio de Janeiro, RJ


A primeira medalha do Brasil nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro veio no tiro esportivo. Felipe Wu terminou a competição em segundo lugar na categoria pistola de ar 10m nesse sábado (6), com a pontuação de 202.1 pontos, no Centro Olímpico de Tiro.

Felipe brigou até os últimos tiros pela medalha de ouro. Conseguiu superar o vietnamita Xuan Vnh Hoang nas últimas séries, mas o adversário não cedeu a pressão e cravou 202.5 na última rodada, levando o ouro. O bronze ficou com o chinês Wei Pang.

Como em quase todas as competições envolvendo brasileiros, a torcida animou Wu em toda sua trajetória pela medalha. No final da disputa, o atleta celebrou muito a prata e disse a imprensa que pretende fomentar o tiro esportivo no Brasil com sua conquista.

O Tiro Esportivo

Dividido em 15 eventos, o tiro esportivo utiliza três tipos de arma: carabina, pistola e espingarda. Em cada tipo são realizados três eventos para homens e dois para mulheres, todos individuais. As regras variam por fatores como distância até o alvo, tipo de alvo, posição do tiro, números de disparos e tempo para atirar.

Na categoria de Wu, os competidores precisam atirar em um alvo fixo com 10 circunferências, a 10 m de distância, com 60 tiros no total durante 1h10min. A final é disputada pelos oito melhores atletas da fase de classificação, e a cada oito tiros um deles é eliminado.