quinta-feira, 18 de agosto de 2016

Isaquias Queiroz conquista segunda medalha nos Jogos Olímpicos

Marcos Brindicci/Reuters

Por Nicholas Araujo
Rio de Janeiro, RJ

Após a conquista da prata no início da semana na Rio 2016, o atleta da canoagem Isaquias Queiroz conseguiu sua segunda medalha, agora de bronze, na disputa da canoagem C1-200m. O baiano ainda disputará mais duas provas na tentativa de mais medalhas para o Brasil.

A disputa foi acompanhada de perto pela torcida que lotou as arquibancadas da Lagoa Rodrigo de Freitas. No final da prova, a medalha de ouro foi para a Ucrânia, seguido pelo atleta do Azerbaijão. A apreensão ficou por conta do bronze, que demorou para ser anunciado, mas a bela apresentação de o bronze para Isaquias, pela segunda vez nos Jogos do Rio.

O atleta entrou para um grupo seleto de competidores brasileiros que levaram duas medalhas para casa em Jogos Olímpicos. Os primeiros a conquistarem esse feito foram os atiradores Guilherme Paraense (ouro na pistola militar de 30m e bronze por equipes na pistola livre 50m) e Afrânio da Costa (prata na pistola livre de 50m e bronze por equipes) nos jogos em Antuérpia, em 1920.

Em seguida, o nadador Gustavo Borges repetiu o feito em Atlanta-1996 ao conquistar a prata nos 200m livres e bronze nos 100m livres, e o último a levar duas medalhas foi o nadador César Cielo, em Pequim-2008, com o ouro nos 50m livre e o bronze nos 100m livre.

Mas Isaquias pode aumentar sua coleção de medalha. Nesta sexta-feira o atleta volta a Lagoa para disputar a eliminatória da C2-1000m ao lado de Erlon Silva, na qual a dupla é campeã mundial. Caso consiga o pódio, o atleta se tornará o primeiro brasileiro a conquistar três medalhas em uma mesma edição olímpica.

O brasileiro bateu em terceiro lugar com o tempo de 39s628. O ucraniano Iurii Chegan levou o bicampeonato olímpico com 39s279 e Valentin Demyanenko, do Azerbaijão, cruzou a linha de chegada com 39s493. O quarto colocado, o espanhol Alfonso Benavides Lopes, chegou bem perto do tempo de Isaquias, com 39s649.

(Foto: Phil Walter/Getty Images)