terça-feira, 2 de agosto de 2016

Márcio Fernandes espera elenco ‘reinventado’ para classificação do Botafogo-SP

(Foto: Rogério Moroti/Agência Botafogo)

Por Nicholas Araujo
Ribeirão Preto, SP


A vitória do Botafogo-SP no último fim de semana por 1 a 0 contra o Ypiranga-RS, tirou um peso das costas do jogadores e comissão técnica em Ribeirão Preto (SP). O técnico Márcio Fernandes elogiou a postura da equipe no jogo, mas criticou alguns pontos no meio de campo e na defesa.

Em entrevista coletiva, o treinador se mostrou incomodado com algumas críticas que chegaram ao Estádio Santa Cruz, e indiretamente, criticou a postura da diretoria botafoguense sobre a venda de jogadores importantes do elenco, como Samuel Santos e Danilo Bueno, que culminaram na perda de qualidade técnica dentro de campo.

“As vezes não entendemos algumas críticas. Você pode ver em qualquer um time da série C, você tira cinco peças que vem jogando e vocês irão ver se é a mesma coisa. Agora nós já estamos com sete. Então não é fácil se reencontrar dentro do campeonato, montar uma equipe nova, fazer a equipe jogar, é complicado”, comenta Fernandes.

Além das vendas, o Pantera sofreu duas baixas no jogo no Estádio Santa Cruz. Além do atacante Isac expulso, o atleta Serginho recebeu o terceiro amarelo e está fora do jogo contra o Boa Esporte. Para Fernandes, o Botafogo precisa de uma nova cara para conseguir se manter entre os quatro primeiros. 

“Uma coisa que nós tínhamos em vantagem dos outros times era nosso conjunto. A equipe já estava consciente do que queríamos, as coisas saíam mais facilmente, e agora nós estamos nos reinventando dentro do campeonato”, diz o técnico.

A próxima partida do Botafogo é contra o Boa Esporte no Estádio Dilzon Melo, em Varginha (MG), no domingo (7), as 11h. Os mineiros estão na vice liderança do grupo B. O grupo tricolor se reapresenta nesta terça-feira (2) para o início dos treinamentos e condicionamento físico.