segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Shirlene Coelho será porta-bandeira do Brasil nas Paralimpíadas do Rio

(Foto: Reprodução)

Por Redação Blog do Esporte


A campeã mundial e paralímpica Shirlene Coelho será a porta-bandeira da delegação brasileira na Abertura dos Jogos Paralímpicos Rio 2016, que será realizada nesta quarta-feira (7). A paratleta foi escolhida com 20% dos votos concorrendo com mais 17 atletas, todos eles homens.

Shirlene será a primeira mulher na história dos Jogos a conduzir a bandeira verde e amarela na abertura. Representando a maior equipe da delegação do Brasil (o atletismo terá 61 atletas no Rio), a paratleta venceu a forte concorrência do judoca Antônio Tenório, que obteve 18% dos votos, e do velocista Yohansson Nascimento, por exemplo.

Shirlene Coelho é a atual campeã paralímpica na categoria F37/38, para atletas com paralisia cerebral, no lançamento de dardo e recordista mundial. No Rio, disputará as provas de arremesso de peso e lançamento de disco. Os requisitos para a votação eram que o candidato tivesse ao menos um ouro paralímpico e não poderia competir no dia seguinte da cerimônia.

O Brasil é considerado uma potência paralímpica, e de acordo com o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), a expectativa é alcançar o quinto lugar no quadro geral de medalhas dos Jogos Rio 2016. A equipe busca superar a sétima posição de Londres-2012, onde levou 21 ouros, 14 pratas e oito bronzes. A delegação verde e amarela contará com 286 atletas, sendo 184 homens e 102 mulheres, em 22 modalidades, a maior equipe da história para o Brasil.