sexta-feira, 14 de outubro de 2016

Procuradoria do STJD deve abrir denúncia contra árbitro Sandro Meira Ricci

(Foto: André Durão)

Por Nicholas Araujo
Redação Blog do Esporte


A procuradoria do Supremo Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) deve denunciar o árbitro Sandro Meira Ricci por não relatar fatos relevantes na súmula do clássico entre Flamengo e Fluminense. O juiz relatou que não houve nada de anormal no jogo, sendo que a partida ficou parada por mais de 10 minutos pela confusão em torno do gol impedido de Henrique.

A posição do STJD foi relatada pelo blogueiro Rodrigo Mattos, do UOL Esporte, que procurou um representante do Supremo para confirmar a decisão. Na súmula, o árbitro apenas relatou que ''o jogo foi paralisado (sic) por 10 (dez) min, aos 40' min do 2º tempo, pelos atletas de ambas as equipes terem protestado contra a decisão da arbitragem em um lance de impedimento.''

Na confusão, Sandro Meira Ricci validou o gol de Henrique, desrespeitando a decisão do auxiliar Emerson Augusto de Carvalho. Com o protesto de ambas as partes, o juiz conversou com o seu assistente, voltou atrás e anulou o tento, acertando na marcação de impedimento. No entanto, nada disso foi relatado.

De acordo com o UOL, "para conseguir a anulação, o Fluminense terá de provar uma conduta indevida de Sandro Meira Ricci visto que o árbitro nada relatou na súmula".

Até o momento, o Fluminense não se posicionou sobre a decisão.