quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

Herói da Chapecoense na Copinha, goleiro dedica defesa de pênalti a Danilo

(Foto: Gazeta Press)


Herói da Chapecoense na histórica classificação à terceira fase da Copa São Paulo de juniores, o goleiro Tiepo dedicou a defesa que praticou na disputa por pênaltis na última terça-feira, contra o São Paulo, ao companheiro de posição Danilo, morto no acidente aéreo de novembro, na Colômbia.


"Essa defesa foi para o Danilo, porque ele pegava pênalti", afirmou o jovem arqueiro, que viu a Chapecoense empatar sem gols contra o time tricolor no tempo normal e vencer por 4 a 2 nos pênaltis. "Estou muito feliz, sem palavras. Méritos desse grupo maravilhoso que a gente tem."

Autor do gol de pênalti que decretou a inédita classificação da equipe catarinense, Ned ofereceu a vitória aos 19 jogadores mortos na tragédia ocorrida nos arredores de Medellín. "É uma forma de homenagem para aqueles caras, um novo recomeço para mostrar que não caímos, nos reerguemos e estamos cada vez mais fortes", disse.

Até o são-paulino Pedro Augusto reconheceu os méritos do triunfo da Chapecoense. "Nós sabíamos que a torcida estaria a favor deles. A tragédia que aconteceu comoveu a todos. Para mim, representa bastante. Eles têm o merecimento muito grande. Nós merecemos e eles também, mas foram eles que saíram com a vitória", declarou o meio-campista.

Após eliminar o time de melhor campanha na fase de grupos da Copinha, a Chapecoense enfrentará o Capivariano na terceira fase, em duelo marcado já para esta quinta-feira, às 16h (de Brasília), novamente na Arena Capivari.

ESPN