sábado, 28 de janeiro de 2017

Liverpool fecha semana trágica, perde para time da 2ª divisão e é eliminado da Copa da Inglaterra

(Foto: Reuters)


2017 se torna um ano complicado para o Liverpool a cada partida. Neste sábado, a derrota por 2 a 1 para o Wolverhampton, em pleno Anfield, eliminou os "Reds" na quarta rodada da Copa da Inglaterra e fechou mais uma semana complicada do time de Jurgen Klopp em janeiro.


Foi a terceira derrota e a segunda queda em copas nos últimos sete dias. No último dia 25, o 1 a 0 sofrido para o Southampton já havia tirado a equipe da Copa da Liga. E esse ainda foi o quarto resultado negativo em oito partidas desde a virada de ano, com apenas uma vitória - sobre o Pymouth, da 4ª divisão.

O relógio ainda marcava 1 minuto quando o Wolverhampton resolveu assustar a torcida em Anfield pela primeira vez. O português Hélder Costa cobrou falta pela direita e encontrou Stearman, que só desviou para a rede do goleiro Karius. 1 a 0 Wolves.

O Liverpool não se encontrava, e os visitantes tiveram outras duas chances para marcar antes dos 10 minutos. Primeiro, com falta cobrada por Doherty que parou na barreira. Em seguida, em grande jogada de Hélder Costa, que partiu da intermediária e só foi desarmado quando estava de frente para o gol.

Depois disso, os "Reds" dominaram a bola, chegaram a ter 85% de posse, mas não criavam. A resposta veio no contra-ataque.

Aos 41 minutos, Hélder Costa voltou a fazer boa jogada, arrancou e encontrou Weimann na entrada da área. O atacante austríaco driblou Karius e tocou para o gol vazio. 2 a 0 Wolverhampton.

Com a entrada de Philippe Coutinho, o Liverpool voltou mais forte no segundo tempo. Logo aos 3, Firmino recebeu cruzamento, cabeceou para o gol, mas acabou bloqueado por Klavan, companheiro de time. A dupla brasileira tentava criar, mas erros próximos da área irritavam cada vez mais Jurgen Klopp.

O treinador alemão ainda colocou Sturridge no lugar de Firmino, mas a pressa atrapalhava. Aos 40, Origi aproveitou bate e rebate depois de escanteio e empurrou para a rede. 2 a 1. Nos minutos seguintes, pressão total. Depois de outro escanteio, em lance muito parecido com o do gol, o goleiro Burgoyne salvou o empate em cima da linha. Frustração e eliminação em pleno Anfield.

Em fase ruim, os "Reds" ainda encaram o líder Chelsea, já pela Premier League, na próxima terça-feira (31). 

ESPN