sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Mineirão presenteia torcedor com caixa de desodorantes: "Até 2050"

(Foto: Reprodução)


A saga do torcedor sem desodorante teve fim. E o desfecho foi com muito bom-humor para todas as partes. O cruzeirense Matheus Eleutério havia reclamado da administração do Mineirão, que vetou a entrada dele com o antitranspirante na partida contra o São Francisco-PA, pela Copa do Brasil, na última quarta-feira. Na manhã desta sexta-feira, foi presenteado com uma caixa de desodorantes, da mesma marca e modelo do qual ele teve que se desfazer no dia do jogo.


Pela conta oficial no Twitter, o Mineirão oficializou o "cessar fogo" entre o estádio e o torcedor sem desodorante. 

- Tá ai o @baudocectt! Promessa paga! Os outros são um presente do Gigante. Amigos?
Em resposta, quase que imediata, Matheus brincou que agora não vai ter que se preocupar em comprar os desodorantes por um bom tempo. 

- Agora tem desodorante até 2050! 

Entenda a "treta" do desodorante

Os holofotes da goleada do Cruzeiro por 6 a 0 sobre o São Francisco-PA, na última quarta-feira, pela Copa do Brasil, ficaram divididos com uma curiosa reclamação de um torcedor com o perfil oficial do Mineirão, no Twitter. Tudo por causa do caso do DESODORANTE. A situação gerou um burburinho na rede social e, no final das contas, a administração do estádio disse que compraria um novo produto e entregar ao torcedor do Cruzeiro. Dito e feito. 

Globo Esporte