quarta-feira, 15 de março de 2017

Mourinho tinha razão: Rostov é proibido de fazer jogos em seu estádio

(Foto: Reprodução)


A federação russa anunciou que o Stadion Olimp 2, estádio do Rostov, não poderá mais receber partidas de futebol até que a situação do gramado seja resolvida. A decisão vem à tona menos de uma semana depois do Manchester United jogar no local, e o técnico José Mourinho não economizar nas críticas ao campo.


Na quinta-feira da semana passada, United e Rostov empataram em 1 a 1 pelo jogo de ida das oitavas de final da Liga Europa. Os gols foram marcados por Mkhitaryan e Bukharov, mas o estado do gramado é que esteve no centro dos holofotes.

Depois da partida, Mourinho criticou duramente a grama. Vale ressaltar que esse não será um dos estádios utilizados na Copa do Mundo de 2018.

- Foi uma boa atuação em relação às condições. É impossível ter jogado melhor, impossível de jogar um jogo com troca de passes. Nós jogamos o jogo possível e jogamos bem. Eu me lembro, quando crianda, de algumas partidas em Portugal com campos como esse. Eu disse antes do jogo que não queria ir além com isso. Acabou, não houve lesões - disparou o treinador.

Manchester United e Rostov voltam a se enfrentar na quinta-feira da semana que vem, dia 16. O jogo está marcado para 17h05 (de Brasília), no Old Trafford.

Globo Esporte