sexta-feira, 12 de maio de 2017

Iranduba vence Grêmio por 1 a 0 e mantém liderança do Brasileiro feminino

 (Foto: Marcos Nagelstein/AllSports)


O Iranduba da Amazônia chegou à sua 10ª vitória em onze jogos da primeira fase do Campeonato Brasileiro Feminino. O novo triunfo ocorreu nesta quinta, às 14h (de Brasília), no estádio Hélio Dourado, em Eldorado do Sul (RS), sobre o Grêmio por 1 a 0. O gol da vitória foi marcado por Kamilla, na segunda etapa.

Já classificado para a próxima fase, o time amazonense chega aos 30 pontos, na liderança da tabela do grupo 1 do Brasileirão feminino. O Grêmio está na penúltima posição, com quatro pontos. Na próxima rodada, o Hulk enfrenta o Audax-SP, no dia 18, às 21h (de Brasília), na Arena da Amazônia, em Manaus. Já o Tricolor Gaúcho encara o Corinthians, um dia antes, às 17h, na Arena Barueri (SP).

O jogo

O primeiro tempo foi equilibrado. Apesar de o Iranduba ter mais posse de bola, foi o Grêmio que criou as melhores oportunidades. E em duas delas foi com a atacante Karina. Primeiro aos seis minutos, quando ela chutou por cima do gol. Depois, aos 35, numa chance clara. A atacante pegou a falha da zagueira Sorriso, avançou sozinha e chutou. Mas a goleira Rubi defendeu e evitou o gol.

A melhor chance do Iranduba ocorreu aos 43. Monalisa avançou pela direita e cruzou para Dany Helena na pequena área. Mas a goleira Carolina ficou com a bola, após fazer a defesa em dois tempos. Nos acréscimos, o Grêmio ainda teve a chance com Karina e Tati, que não conseguiram dominar a bola, na área.

Segundo tempo

A segunda etapa foi diferente, com as equipes buscando mais o gol. E o Iranduba foi feliz na primeira finalização. Aos cinco minutos, Kamilla recebe na frente, avançou, passou de uma marcadora e toca na saída da goleira Carolina: 1 a 0.

A reação do Grêmio veio aos 9, com Karina, que recebeu de fora da área e arriscou para fora. Cinco minutos depois, o Tricolor chegou a marcar com Tati, mas estava em posição de impedimento e o gol foi anulado.

Uma das melhores chances de gol do Grêmio veio aos 30. Carol Dallazen, que tinha acabado de entrar em campo, recebeu sozinho na grande área, mas chutou por cima e perdeu o gol. O Iranduba respondeu aos 41. Micaelly, que também veio do banco de reservas, marcou aos 43, mas o árbitro marcou impedimento.

Ficha técnica
Brasileiro Feminino - 11ª rodada

Grêmio 0 x 1 Iranduba
Gol do Iranduba: Kamilla (aos 5' do 2ºT)
Local: estádio Hélio Dourado, em Eldorado do Sul (RS)
Horário: 15h (de Brasília)
Árbitro: Daniel Nobre Bins (RS)
Auxiliares: Michael Stanislau e Tiago Augusto Kappes Diel, ambos do Rio Grande do Sul.
Cartões amarelos: Djeni, Driely, Elisa, Monalisa e Karen (Iranduba); e Aline (Grêmio)

Grêmio: Carolina; Daia, Ninja, Thiellen, Elaine, Ariane (Tefa), Shaiane, Taba, Carol Gomes (Carol Dallazen), Karina (Jissele) e Tati. Técnica: Patrícia Gusmão.

Iranduba: Rubi; Monalisa, Sorriso, Karen, Sinara, Driely, Djeni, Mayara (Laura), Dany Helena (Micaelly), Kamilla e Elisa (Mari). Técnico: Sérgio Duarte.

Globo Esporte