sexta-feira, 16 de junho de 2017

Kobayashi anota o recorde da pista em Le Mans. Brasil tem pole em duas categorias

(Foto: Reprodução)


A 85ª edição das 24 Horas de Le Mans já é histórica antes mesmo de ser dada a largada para a prova no sábado às 10h (horário de Brasília). Nesta quinta-feira, o japonês Kamui Kobayashi bateu o recorde da pista com a marca de 3m14s791, estabelecida a bordo do Toyota TS050 Hybrid. A volta rápida deu ao japonês a pole position para a corrida na categoria LMP1, onde dividirá o carro com o inglês Mike Conway e o francês Stéphane Sarrazin.

Na segunda colocação sairá o outro carro da Toyota, com o trio Anthony Davidson, Sebastien Buemi e Kazuki Nakajima, que foi 2m337s mais lento que o #7. Na categoria LMP2, que abriga os protótipos com menos potência que os da LMP1, a pole position ficou com a equipe G-Drive Racing, liderada por Alex Lynn, Roman Rusinov e Pierre Thiriet, que anotou 3m25s352.

Entre os brasileiros, Nelsinho Piquet sai em quarto na LMP2, com Bruno Senna na cola, em quinto, ambos correndo pela Vaillante Rebellion. O sobrinho de Ayrton, inclusive, dividirá o carro com Nicolas Prost, filho de Alain Prost. Andre Negrão é o oitavo pela equipe Signatech Alpine Matmut e Rubens Barrichello o 17º com a estreante Racing Team Nederland.

Na GTE Pro, destaque para Daniel Serra, que largará em primeiro lugar, guiando um Aston Martin ao lado dos ingleses Darren Turner e Jonatham Adam. O Brasil ainda tem Pipo Derani em nono com o Ford GT, Tony Kanaan em 12º também com o Ford GT, e Fernando Rees, este na GTE Am, em primeiro na categoria com o Corvette.

Globo Esporte