domingo, 25 de junho de 2017

Massa lamenta problema após flertar com vitória: "Fazia tudo da maneira perfeita"

(Foto: Reprodução)


Felipe Massa esteve perto de conquistar a vitória no GP do Azerbaijão, realizado nas ruas de Baku neste domingo. O piloto da Williams fez uma prova impressionante deste o início, efetuando belas ultrapassagens, ficando longe das confusões e se aproveitando das relargadas para ir galgando posições na pista. O brasileiro era o terceiro colocado, colado no líder Lewis Hamilton, e no segundo, Sebastian Vettel, quando foi surpreendido por problemas no carro. Massa foi obrigado, então, a abandonar. Questionado após a prova sobre o ocorrido, desabafou.


- Tive um problema no carro. Quando relarguei, o carro já estava com esse problema na suspensão. Alguma coisa quebrou, o amortecedor, não sei... alguma coisa quebrou. Ele começou a balançar, chacoalhar, sacudir, e não tinha o que fazer, não tinha como fazer as curvas. É uma pena porque a corrida estava sendo espetacular, eu estava fazendo tudo da maneira perfeita. Tudo estava em um caminho perfeito para, quem sabe, ter um pódio.

A corrida de Massa

O brasileiro começou a mostrar as garras logo na largada, quando saiu da nona colocação para ser o sexto ainda na primeira volta. Massa é conhecido por ser muito bom nas relargadas, e a corrida deste final de semana foi um prato cheio para o piloto da Williams. Após entrada do safety car para a retirada do carro quebrado de Daniil Kvyat, a prova foi reiniciada com Felipe fazendo uma ultrapassagem dupla sobre Esteban Ocon e Kimi Raikkonen.

Massa seguiu em perseguição a Sergio Pérez, e, beneficiado por outra entrada do carro de segurança, repetiu a boa relargada, ultrapassando de maneira brilhante o mexicano da Force India. Pouco depois, veio nova paralização, desta vez, uma bandeira vermelha para que os fiscais retirassem todos os detritos da pista. Neste momento, Massa era terceiro colocado, atrás do líder Lewis Hamilton, e do segundo, Sebastian Vettel.

Já nos boxes, para esperar nova relargada, era possível observar que o carro da Williams tinha algumas avarias na carenagem. Quando saiu para a pista, o brasileiro logo relatou para a equipe que o carro tinha problemas. O temor se tornou realidade quando Massa acelerou para relargar, e rapidamente foi superado por Daniel Ricciardo e Nico Hulkenberg. Daí em diante, o carro foi perdendo rendimento, até que Felipe abandonasse.

Fica o gosto amargo para o brasileiro, pois Vettel acabou punido com um drive through de 10s por ter jogado o carro em cima de Hamilton, enquanto o inglês da Mercedes teve que ir aos boxes trocar a espuma protetora do cockpit. Daniel Ricciardo, que assumiu o terceiro posto ao ultrapassar Massa, venceu a corrida, com Valtteri Bottas em segundo e Lance Stroll, companheiro de Williams de Felipe, no terceiro lugar.

Globo Esporte