segunda-feira, 26 de junho de 2017

Ponto de Opinião: Williams precisa corrigir erros para não prejudicar novamente a temporada

(Foto: Getty Images)

Por Nicholas Araujo
Redação Blog do Esporte


A Williams mostrou mais uma vez a derrocada de um trabalho no GP da Europa, no Azerbaijão. Felipe Massa ia bem até a bandeira vermelha na competição, após a pista fica cheia de detritos de acidentes. Na volta, o carro do brasileiro teve um problema de amortecedor e o piloto precisou abandonar a prova.

A falha mostra nitidamente o que a Williams, e muitas outras equipes da Fórmula 1, precisam melhorar. Erros pontuais e estratégias erradas acabam prejudicando todo um trabalho de uma corrida que estava nas mãos. Não é à toa que Mercedes e Ferrari saem mais uma vez na frente das demais, enquanto muitas brigam com o próprio planejamento.

Quem caiu muito de nível foi a Red Bull, que hoje briga nas posições intermediárias para voltar ao pódio. Após a saída de Vettel, a equipe pouco emplacou com Verstappen e Ricciardo, mesmo sendo dois ótimos pilotos. Parece que a estratégia diverge um pouco da qualidade dos corredores.

A Williams também não anda bem, mais uma vez. Enquanto Bottas foi para a Mercedes, a equipe se contenta com Massa, que poderia ser um potencial piloto se o carro ajudasse, e com o jovem Stroll, que ainda vai crescer na categoria, mas precisa de um empurrão a mais.

Enquanto isso, Raikkonen anda as sombras de Vettel e Alonso precisa se contentar com o péssimo carro (mais uma vez) da McLaren. Quem se destaca é a Force India com Perez e Ocon, mas que ainda precisa de uma carro mais veloz e pilotos com mais cabeça para brigar por melhores posições.

O GP da Europa pode ser um grande divisor de águas na F1, mas ainda existe muito caminho pela frente. A briga continua quente e os pilotos com mais sede pela primeira colocação.