segunda-feira, 17 de julho de 2017

Com golaço no fim, Botafogo derrota Bragantino no Santão e retoma liderança na série C

(Foto: Rogério Moroti/Divulgação)

Por Nicholas Araujo
Ribeirão Preto, SP


O cenário da partida entre Botafogo-SP e Bragantino, pela série C do Campeonato Brasileiro, era de um placar final zerado. Entretanto, aos 47 minutos do segundo tempo, o meia Wesley acertou um belo chute no ângulo do gol de Renan Rocha e decretou a vitória do Pantera por 1 a 0 no Estádio Santa Cruz nesta segunda-feira (17).

A vitória recoloca a equipe na liderança do grupo B com 17 pontos, um a mais que o vice-líder São Bento, e mantém o clube na briga pela classificação. A próxima partida é sábado (22), às 15h30, contra o Mogi Mirim fora de casa.

O Jogo

A primeira etapa foi de pressão do time da casa. O técnico Rodrigo Fonseca aproveitou a volta de Morais para colocar movimentação no ataque. A mudança surtiu efeito, mas a pontaria e a partida inspirada do goleiro do Massa Bruta impediram os gols botafoguenses.

O centroavante Edno também foi importante no ataque, principalmente nas bolas alçadas na área. O Braga aproveitava os contra-ataques e quase fez com Everton, mas o goleiro Neneca estava bem postado na meta para desviar a bola.

No segundo tempo, os visitantes voltaram com mais posse ofensiva, o que assustou o tricolor ribeirão-pretano. Com a entrada no intervalo no lugar de Vitinho, Wesley seria o nome da etapa complementar ao lado de Edno e Morais. Neneca mais uma vez precisou fazer boa defesa. No contra-ataque, Edno quase fez de cabeça para o Bota.

Com as mudanças táticas dos dois treinadores, a partida se tornou monótona e com poucas chances de gols após os 30 minutos. A torcida botafoguense reclamou de faltas não marcadas e cartões não aplicados, mas a arbitragem alagoana deixou o jogo correr. Vitor, para o Braga, ainda assustou a meta de Neneca, aos 45 minutos, mas estava ali desenhado o ataque matador do Pantera.

Após troca de passes entre Morais e Edno, a bola foi rolada para Wesley, que jogou para a perna direita e bateu forte. A bola entrou no ângulo, sem chances para Renan Rocha, e decretou a vitória botafoguense. Vitor ainda tentou o empate de cabeça, mas a bola foi por cima do gol.

Na próxima rodada, o Bragantino enfrenta o Macaé, também no sábado, às 16h, no Estádio Nabi Abi Chedid.

(Foto: Rogério Moroti/Divulgação)