domingo, 23 de julho de 2017

Fraga e Casagrande vencem, e nova geração domina Stock Car em Curvelo

(Foto: Reprodução)


Rivais na classe Turismo e representantes da nova geração da Stock Car, Felipe Fraga e Gabriel Casagrande, ambos com 22 anos, foram os protagonistas da sexta etapa neste domingo, no Circuito dos Cristais, na cidade mineira de Curvelo. Atual campeão, Fraga dominou a primeira bateria e venceu de ponta a ponta. Já Casagrande conquistou o seu primeiro pódio, justamente a vitória na bateria seguinte.

Na classificação geral Daniel Serra se manteve na liderança, com 185 pontos - tirou um segundo e um sexto lugares. Tiago Camilo é o vice-líder, com 167, seguido de Max Wilson (157) e Átila Abreu (145). Com a vitória na primeira bateria e o quarto lugar na segunda, Fraga conquistou a pontuação recorde de 44 pontos em uma etapa. Faltando seis ele subiu para sétima colocação, com 129 pontos, e entrou na briga pelo bicampeonato. A próxima etapa será no circuito de Velo Cittá, em Mogi Guaçu, em São Paulo, dia 6 de agosto.

Atual campeão da Stock, Fraga parece se sentir em casa em Curvelo. Ganhou no ano passado, na estreia do Circuito dos Cristais, e neste domingo saiu na pole position e venceu pela segunda vez na temporada - a primeira foi no Velopark, em Nova Santa Rita. Serra chegou em segundo, e Ricardo Maurício completou o pódio ao ultrapassar Ricardo Zonta no fim.

O safety car precisou entrar na pista duas vezes. Primeiro quando Diego Nunes bateu e teve dificuldades para levar o carro de volta aos boxes, e depois quando Betinho Valério perdeu o capô, que ficou no meio da pista.

Na segunda bateria, Casagrande, 10º na corrida anterior, largou na pole e conseguiu segurar Tiago Camilo para vencer pela primeira vez na categoria, justamente o seu primeiro podio. A última vitória de um piloto da equipe Voguel havia sido em 2014. Camilo chegou em segundo, e Átila Abreu completou o pódio ao ultrapassar Rafael Suzuki na última volta.

- Largar em primeiro é bom, mas chegar na gente é ainda melhor. Tive outras oportunidades de vencer a corrida, mas o carro me deixava na mão. Hoje não aconteceu, a equipe fez um trabalho espetacular nas duas paradas para reabastecimento. Tinha um ritmo muito bom, a conta do combustível estava no limite e não podia desperdiçar a oportunidade de vencer pela primeira vez - disse Casagrande.

Os 10 primeiros na Stock Car:
1º – Daniel Serra, 185 pontos
2º – Thiago Camilo, 167
3º – Max Wilson, 157
4º - Átila Abreu, 145
5º – Ricardo Maurício, 137
6º – Rubens Barrichello, 130
7º – Felipe Fraga, 129
8º – Cacá Bueno, 126
9º – Marcos Gomes, 109
10º – Julio Campos, 85

Globo Esporte