sábado, 19 de agosto de 2017

Com três gols em quatro minutos, Manchester United volta a golear na Premier League

(Foto: Reuters)


Duas vitórias em dois jogos, oito gols marcados e nenhum sofrido: esse é o início de Premier League do Manchester de José Mourinho. Após bater o West Ham por 4 a 0 na estreia, o United repetiu o placar fora de casa, agora diante do Swansea neste sábado, e se manteve com 100% de aproveitamento. Apesar do placar folgado, os Diabos Vermelhos não jogaram tanto assim e contaram com três gols em quatro minutos na metade final do segundo tempo para construírem a goleada. Bailly abriu o placar, enquanto Pogba, Martial e Lukaku fecharam a conta.

Com a goleada, o United, que recebe o Leicester no próximo sábado, lidera esse início de Premier League com seis pontos conquistados de seis possíveis. Já o Swansea segue com apenas um ponto conquistado. Na próxima rodada, o rival será o Crystal Palace, também no sábado, em Londres.

A exemplo do que ocorreu na estreia, Lukaku, Pogba e Martial (que saiu do banco) voltaram a decidir com gols. A diferença em relação à goleada sobre o West Ham foi que o camisa 9 balançou as redes apenas uma vez neste sábado - e o zagueiro marfinense Bailly completou o placar. Vale destacar as duas assistências de Mkhitaryan.

Com 59% da posse de bola e 17 finalizações (contra seis do rival), o United foi melhor do início ao fim, mas teve um primeiro tempo tímido. Um empate sem gols na etapa inicial não seria injusto. Só que Bailly tratou de aproveitar o rebote em cabeçada de Pogba para deixar sua equipe em vantagem antes da saída para o intervalo.

O panorama na volta do vestiário foi parecido até o time de Mourinho desandar a fazer gols no final: aos 34, Lukaku recebeu de Mkhitaryan para ampliar; aos 36, o camisa 22 voltou a atacar de garçom, agora para servir Pogba; e por fim, aos 38, o francês deu a assistência para Martial fechar a conta.

Globo Esporte