terça-feira, 15 de agosto de 2017

Conselheiro repercute detalhes do contrato de Felipe Melo, e Palmeiras é notificado de novo

 (Foto: Jales Valquer / Estadão Conteúdo)


Diretores do Palmeiras e os advogados do volante Felipe Melo se reuniram nesta segunda-feira à tarde, na sede do clube. A expectativa dos alviverdes era tentar um acordo para a rescisão amigável do contrato. Porém, acabaram recebendo uma nova notificação do jogador.

Os representantes de Felipe Melo, que já haviam notificado o clube por assédio moral, argumentando que ele vem sendo impedido de treinar com o restante do elenco, agora alegam que um membro do Conselho de Orientação de Fiscalização (COF) divulgou informações do contrato do atleta.

Em seu blog, o conselheiro Gilto Avallone detalhou os valores a que Felipe Melo tem direito a receber. Tais informações já haviam sido divulgadas em janeiro pelo GloboEsporte.com e depois repercutiram em outros sites e blogs.

Os advogados agora pedem que Avallone exclua as informações, que, por contrato, são confidenciais e, afirmam, não deveriam ter sido publicadas por um membro do conselho que tem como missão fiscalizar a administração do clube.

Essa nova polêmica deverá dificultar um acordo amigável para a rescisão. Uma nova reunião será marcada.

Globo Esporte