sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Corinthians é condenado a pagar R$ 7,8 milhões à CET

(Foto: Marcos Ribolli)


O Corinthians foi condenado a pagar R$ 7,8 milhões à CET (Companhia de Engenharia de Trânsito) de São Paulo. O valor é relativo aos serviços de operação viária prestados nos jogos do clube entre 2006 e 2015. A decisão foi publicada na última quinta-feira, é de primeira instância, e o Corinthians ainda pode recorrer. A informação, do UOL, foi confirmada pelo GloboEsporte.com.

A ação é parte de uma ofensiva da CET contra os clubes de São Paulo. Em junho, a Portuguesa foi condenada ao pagamento de R$ 779 mil. Palmeiras (R$ 5 milhões) e São Paulo (R$ 11 milhões) também estão na mira da companhia - os processos estão em andamento.

A CET se baseia numa mudança da legislação ocorrida em 2005, que determinou que os clubes seriam responsáveis por esses custos. Hoje essa taxa já consta nas despesas listadas nos borderôs das partidas disputadas na cidade de São Paulo.

O GloboEsporte.com entrou em contato com a diretoria do Corinthians, mas ainda não obteve resposta.

Globo Esporte