domingo, 26 de novembro de 2017

Novo incêndio atinge Velódromo olímpico durante a madrugada de domingo, 26

(Foto: Reprodução)

Por Redação Blog do Esporte


Um incêndio atingiu o velódromo utilizado durante os Jogos Olímpicos de 2016. Esta é a segunda ocorrência de fogo no local em menos de cinco meses. Os bombeiros foram acionados por volta das 0h36 e trabalharam no local até as 5h10 para contar as chamas.

A Autoridade de Governança do Legado Olímpico (AGLO) disse, em nota oficial, que a queda de um balão teria iniciado o incêndio no telhado do velódromo, mesma explicação no último dia 0 de julho, quando toda parte superior foi destruída pelas chamas.

A Defesa Civil do Rio realizou uma vistoria no local e descartou risco estrutural. A pista de ciclismo não sofreu qualquer tio de dano.

Nota da AGLO

A Autoridade de Governança do Legado Olímpico (AGLO) lamenta o incidente ocorrido nesta madrugada no Velódromo, no Parque Olímpico da Barra, no Rio de Janeiro. Assim como já havia acontecido no último mês de julho, um balão atingiu uma parte do teto do Velódromo, que pegou fogo. O incêndio foi contido de imediato pelo Corpo de Bombeiros. Vistoria preliminar aponta que não houve dano à pista de ciclismo. A AGLO já tomou as medidas iniciais para o processo de reparos, inclusive com a limpeza do local.

Nota da Defesa Civil

Após vistoria realizada pela subsecretaria de Defesa Civil do Rio, na manhã deste domingo, 26, foi constatado que o Velódromo do Rio sofreu danos no revestimento da cobertura, sem apresentar risco estrutural. Não foi necessário interditar o local e administração do Velódromo irá providenciar os reparos necessários.