terça-feira, 12 de dezembro de 2017

Grêmio leva sufoco, conta com Everton na prorrogação e avança no Mundial de Clubes

(Foto: Reprodução)

Por Nicholas Araujo
Redação Blog do Esporte

O Grêmio tentou, levou sufoco do Pachuca, mas garantiu vaga para a decisão do Mundial de Clubes com gol de Everton, no primeiro tempo da prorrogação. O talismã do tricolor saiu do banco de reservas para marcar um golaço no ângulo direito da meta do goleiro Perez. Agora, o Imortal aguarda o vencedor de AL Jazira e Real Madrid para saber o adversário da grande decisão, marcada para o sábado (16).

O Jogo

No primeiro tempo, o Grêmio teve boas oportunidades, mas o Pachuca manteve sua defesa compacta e aproveitou os contra-ataques para tentar o gol. Com a ausência do meia Arthur, o tricolor apostou em Jailson e Michel, e viu Luan apagado e isolado no ataque. Barríos pouco fez.

No lado mexicano, Honda foi perigoso em duas oportunidades, mas Bruno Cortez fez cortes providencias para evitar o gol. O Grêmio era mais decisivo em bolas paradas, mas o gol insistia em não sair.

No segundo tempo, o Pachuca pressionou nos primeiros minutos, principalmente com o chute de Urretaviscaya, que Marcelo Grohe espalmou para longe. Aos 14 minutos, Luan teve ótima oportunidade de abrir o placar, mas o goleiro Pérez tirou a bola, que ainda tocou na trave antes de sair.

Após este lance, o Grêmio teve mais posse de bola, mas sem eficiência. Do lado mexicano, Honda apareceu em ótima oportunidade aos 24 minutos, mas a zaga tirou o perigo.

Mesmo com as jogadas de profundidade, o placar não foi inaugurado. Edilson cobrou uma bela falta pela esquerda, mas balançou a rede pelo lado de fora. Guzmán também teve a chance para o lado mexicano, mas a cabeçada passou raspando a trave. Aos 41 minutos, depois de cabeçada em cobrança de escanteio, a bola sobrou limpa pra Luan, que não dominou e entregou de graça para o goleiro Pérez.

Nos minutos finais, pressão do Grêmio em bola parada, mas insuficiente para inaugurar o placar. Fim do tempo normal e a partida se encaminhou para a prorrogação.

No tempo regulamentar, o Grêmio não poupou esforços para ir ao ataque. Léo Moura deu movimentação, e no segundo lance de ataque, Everton pegou bem na bola e mandou no ângulo do gol de Pérez. Festa tricolor nos Emirados Árabes. Os minutos finais foi de domínio do tricolor e desgaste do Pachuca. Melhor para o Imortal que vai para Abu Dhabi.

Agora a equipe aguarda o vencedor da partida entre Al Jazira e Real Madrid para saber o adversário da decisão de sábado (16).