quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Na volta de Leonard, Spurs tropeçam e caem diante dos lanternas Mavs

(Foto: Reuters)


Enfim Kawhi Leonard estreou na temporada 2017/18 na NBA, mas com um amargo sabor de derrota. Em partida realizada na noite desta terça-feira em Dallas, o San Antonio Spurs foi batido pelos lanternas Mavericks por 95 a 86 e perdeu a chance de encostar nos dois primeiros colocados da Conferência Oeste.

Recuperado de grave lesão no quadríceps da perna esquerda, Leonard tentou sem sucesso levar os visitantes ao quinto triunfo consecutivo. O dinâmico ala começou jogando e ficou em quadra durante 16 minutos, contabilizando 13 pontos, seis rebotes, uma assistência, um toco e ainda uma roubada de bola. O melhor pontuador dos Spurs e do jogo terminou sendo LaMarcus Aldridge com 23. Nos bravos Mavs, muita gente jogou bola, ficando Harrison Barnes com a condição de cestinha (17 pontos).

Apesar do ótimo resultado, o Dallas segue na última posição (oito vitórias em 28 partidas), porém agora atrás do Memphis Grizzlies (oito em 27) apenas no número de embates realizados. O próximo compromisso será outra pedreira: o vice-líder Golden State Warriors, quinta-feira, novamente em casa. Já o San Antonio (19 em 28), terceiro colocado na Conferência, terá pela frente o ponteiro Houston Rockets, sexta, no reduto do rival.

Mesmo enfrentando uma das piores equipes da temporada, os Spurs desde o começo encontraram muitas dificuldades. O quarto inicial foi uma boa amostra, com os Mavs pressionando e levando vantagem. Barnes e Yogi Ferrell conduziam os locais, que conseguiram o trinfo parcial por 30 a 23.
O San Antonio apertou o cerco e conseguiu amenizar a situação no período seguinte. Voltando com desenvoltura, Kawhi contava com o poderoso auxílio de Aldridge, e a dupla foi responsável pela suave reação, indo os visitantes para o intervalo com a diferença de apenas dois pontos a tirar (46 a 44).

Com o duelo ainda parelho, os Spurs conseguiram enfim a virada após o descanso, indicando que poderiam deslanchar, mas a realidade foi diferente. Jogando com muita aplicação, o Dallas seguiu complicando as ações e fez o oponente suar muito para fechar o quarto com um apetado 69 a 67 a favor.

Os 12 minutos finais, no entanto, trataram de frustrar os Spurs. Contando também com os crescimentos dos armadores Wesley Matthews e J.J. Barea, os Mavs tomaram conta e abriram distância, chegando a fazer 20 a 9. Empurrado pela torcida, o lanterna no Oeste continuou no embalo e foi buscar o imponente triunfo diante de uma das forças da Conferência e da da liga.

A força do Dallas Mavericks esta noite esteve no conjunto, porém vários elementos merecem referênciascespeciais. Harrison Barnes lederou os pontuadores com 17, um a mais que Ferrell, Matthews e Barrea. Dwight Powell marcou 12 e ainda conseguiu o mesmo número de rebotes, garantindo um duplo-duplo.

Nos Spurs, LaMarcus se sobressaiu, contabilizando 23 pontos e 13 rebotes, chegando aos dois dígitos em dois fundamentos. Outro bom elemento no San antonio foi Rudy Gay, responsável por 21 pontos. Forasdas 27 partidas anteriores de seu time, Kawhi Leonard foi poupado a partir da metade do terceiro quarto, mas mostrou o seu talento habitual com 13 pontos e participando de diversas tramas ofensivas.

Embiid comanda, e Sixers batem Wolves na prorrogação

Mesmo tendo pela frente um inspirado Jimmy Butler, o Philadelphia 76ers superou o Minnesota Timberwolves por 118 a 112 na prorrogação (100 a 100 no tempo normal), em emocionante duelo disputado em Minneapolis. Nem os 38 pontos anotados pelo armador impediu o triunfo dos Sixers, que contaram com o retorno do talento de Joel Embiid. Fora nos dois últimos compromissos (quedas para Cavs e Pelicans), o ótimo pivô camaronês anotou 28 pontos, apanhou 12 rebotes e ficou a duas assistências do triplo-duplo, conduzindo a vitória que valeu o fim da sequência de quatro derrotas e a volta à zona dos playoffs.

Campanhas
Sixers: 14v, 13d (7º do Leste)
Wolves: 16v, 12d (4º do Oeste)

Próximos jogos
Sixers: contra o Thunder, sexta-feira (15/12), na Filadélfia
Wolves: contra os Kings, quinta-feira (14/12), em Minnesota

Kings seguram e vencem Suns em duelo parelho na Califórnia

Outro bom encontro desta terça aconteceu em Sacramento, onde os Kings derrotaram o Phoenix Suns por 99 a 92, reabilitando-se do revés sofrido para o Toronto Raptors. George Hill e Zach Randolph, com 18 e 17 pontos respectivamente, foram os regentes do triunfo doS locais, enquanto T.J. Warren e Mike James, também com 18 e 17, terminaram como os melhores da franquia do Arizona.

Campanhas
Suns: 9v, 20d (13º do Leste)
Kings: 9v, 18d (12º do Oeste)

Próximos jogos
Suns: contra os Raptors, quarta-feira (13/12), em Phoenix
Kings: contra os Wolves, quinta-feira (14/12), em Minnesota

Globo Esporte