domingo, 14 de janeiro de 2018

Fora de casa, Flamengo bate Basquete Cearense e segue firme no topo

 (Foto: Divulgação / NBB)


O Basquete Cearence até tentou aproveitar o apoio da torcida que compareceu ao Ginásio Paulo Sarasate, em Fortaleza, neste domingo, para surpreender o Flamengo. A derrota, no entanto, foi inevitável. Após um início equilibrado, o líder do NBB cresceu no segundo quarto e não deixou mais o rival encostar, alcançando sua quinta vitória consecutiva na competição, por 92 a 75.

O líder Flamengo chega agora a 10 vitórias em 12 jogos disputados no NBB, alcançando a boa marca de 83.3% de aproveitamento. Já o Basquete Cearense, 10º colocado na tabela, amarga a sua quarta derrota seguida, somando 9 no total, e apenas quatro vitórias. Na próxima terça, às 19h30. o Rubro-Negro volta a jogar fora de casa, contra o Vitória. Já o time do técnico Alberto Bial tenta encerrar a sequência ruim em Fortaleza, contra o Minas, também na terça, às 20h30.

O armador venezuelano David Cubillan foi o cestinha da partida com 24 pontos. Olivinha também se destacou, com 19 pontos e 12 rebotes. Pelo time da casa, Rashaun foi o maior pontuador, marcando 19 pontos.

Com uma bela enterrada e um arremesso de Leonardo, o Basquete Cearense saiu na frente. Mas logo o Flamengo entrou para o jogo, depois de duas bolas de três, pelas mãos de Ramon e Cubillan. Do outro lado, respondendo na mesma moeda, Paulinho colocou o time da casa em vantagem: 11 a 8. Liderado por Olivinha, os visitantes não deixaram o rival desgarrar no placar. E foi com uma cesta de três de Cubillan, que o Rubro-Negro virou novamente: 21/20. O equilibrado primeiro quarto, no entanto, terminou com o time de Fortaleza na frente, depois de Felipe sofrer falta e acertar dois lances livres: 25/24.

Flamengo cresce no segundo quarto e constrói a vitória

Assim como no primeiro quarto, o segundo começou com uma cravada de Leonardo. Pelo Flamengo, Batista mandou bem no rebote ofensivo e acertou um arremesso de dois pontos. Inspirado, Leonardo garantiu mais um bonito lance ao conseguir um toco. E, assim, o jogo seguiu equilibrado. O técnico José Neto pediu tempo quando seu time perdia por apenas um ponto (27/26), e o Rubro-Negro cresceu no jogo. Virou e abriu seis pontos depois de arremessos certeiros de Batista e Ramon. Daí por diante, o time da casa não conseguiu mais acompanhar o ritmo intenso do líder, que foi para o intervalo vencendo por 41 a 32, após uma bola de três de Marquinhos.

Com uma cesta de três, Betinho abriu os trabalhos no terceiro quarto, diminuindo a diferença de seu time para o rival. Leonardo também ajudou com mais uma de suas cravadas, seguida por uma bola de três de Davi. Do outro lado, o Flamengo viu a vantagem cair para quatro pontos (48 a 44). Mas o melhor time do campeonato até agora acordou. Marquinhos e Cubillan garantiram mais cinco pontos e colocaram o Rubro-Negro em uma situação confortável novamente. Olivinha também ajudou o time se destacando nos rebotes. Faltando um segundo para o fim da parcial, Davi converteu um arremeso de três, mas o time de José Neto ainda assim foi para o último quarto tranquilo: 66 a 55.

A vitória rubro-negra já estava consolidada, e o Basquete Cearense pouco conseguiu fazer para tentar virar o jogo. O técnico do time Alberto Bial mexeu algumas peças, mas não surtiu efeito. O Flamengo seguiu mostrando sua superioridade técnica, com destaque para Olivinha, que alcançou o duplo-duplo, e para a pontaria calibrada de Cubillan. A vantagem, que já era boa no placar, aumentou, e o Rubro-Negro garantiu sua décima vitória no campeonato, ao vencer em Fortaleza por 92 a 75.

Globo Esporte