quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

Com recorde olímpico e mundial, alemães conquistam ouro na patinação artística

(Foto: Reprodução)


Com uma apresentação brilhante na madrugada desta quinta-feira, Aljona Savchenko e Bruno Massot batem recordes olímpico e mundial e conquistaram o ouro nos pares livres da patinação artística. Campeões mundiais, chineses Wenjing Sui e Chong Han ficaram com a prata, enquanto os canadenses Meagan Duhamel e Eric Radford levaram o bronze. Primeiros colocados no programa curto, russos Evgenia Tarasova e Vladimir Morozov ficam longe do pódio.

Classificados em quarto lugar para a final, Aljona Savchenko (ucraniana naturalizada) e Bruno Massot (francês naturalizado) precisavam tirar 5,21 pontos de diferença da dupla chinesa para conquistar o ouro. E com um show no gelo, os alemães receberam 159,31pontos, quebrando os recordes olímpico e mundial no programa longo de pares livres e chegando a 235,90 pontos na classificação geral. Mas ainda faltavam três duplas se apresentarem. Em seguida, foi o Canadá. Com uma boa apresentação, Meagan Duhamel e Eric Radford conqusitaram 153,33 e também teriam conseguido quebrar o recorde olímpico se não fossem os alemães.

Os penúltimos a pisar no gelo foram os chineses Wenjing Sui e Chong Han. Com alguns vacilos no início, Sui e Han ainda receberam uma boa nota, mas chegaram a apenas 235,47 pontos, ficando 0,43 pontos atrás dos alemães. Bicampeões europeus, Evgenia Tarasova e Vladimir Morozov foram os últimos a patinar. Com muitos vacilos e uma queda Evgenia, os russos decepcionaram e receberam apenas 143,25 pontos dos juízes e ficaram fora do pódio.

Hoje eu fiz história. É isso que conta. Eu estava positiva ontem. Eu disse ao Bruno, vamos escrever história hoje. E então tudo aconteceu como eu imaginava. É o meu momento. Celebramos o ano novo juntos e dissemos que 2018 seria o nosso ano, e 2018 se tornou nosso ano - comemorou Aljona Savchenko

Únicos atletas da Coreia do Norte classificados por mérito, Ryom Tae Ok e Kim Ju Sik haviam se classificada para a final em décimo primeiro lugar e receberam a décima segunda maior nota no programa longo, terminando a classificação em décimo terceiro geral.

Globo Esporte