quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

Copa do Brasil será primeira competição a receber árbitro de vídeo no país

Manoel Flores (Foto: Divulgação/CBF)

Por Nicholas Araujo
Redação Blog do Esporte


A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou esta semana que a Copa do Brasil terá árbitro de vídeo nos 14 jogos a partir da fase de quartas de final. Nesta quarta-feira (21) foi lançado o edital para a contratação da empresa que fornecerá os recursos para a aplicação da tecnologia.

A empresa vencedora da licitação receberá um valor total de R$ 630 mil pagos pela CBF. A estimativa de custo é de aproximadamente R$ 45 mil por jogo.

“Estamos satisfeitos porque 16 empresas já manifestaram interesse em participar da concorrência, o que permitirá uma ampla análise de propostas técnicas e financeiras do mercado. Iniciaremos agora o processo de avaliação, a fim de fazermos os testes necessários para que o projeto seja implantado com excelência, já que a CBF foi pioneira na apresentação do árbitro de vídeo”, disse o diretor executivo de Gestão da CBF, Rogério Caboclo.

O anúncio oficial do árbitro de vídeo ocorreu nesta manhã de quarta-feira após o sorteio dos mandos de campo da terceira fase da Copa do Brasil. De acordo com o diretor de competições da CBF, Manoel Flores, as propostas devem ser enviadas até o dia 5 de março, às 17h (de Brasília) e a empresa vencedora, além de disponibilizar os equipamentos e técnicos especializados, poderá operar também em jogos de outros campeonatos.

A CBF levantou três principais critérios para a escolha da empresa vencedora da licitação:

- Menor valor a ser pago; 

- Experiência e capacidade técnica e de recursos humanos para lidar com projetos audiovisuais;

- Capacidade de investimento nos equipamentos e estrutura.