quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

Fifa estuda criar Mundial único para jogadores jovens, com 48 seleções

 (Foto: REUTERS/Danish Siddiqui)


A Fifa estuda a fusão dos Mundiais Sub-17 e Sub-20, com a criação de um torneio único para jogadores jovens, com a participação de 48 seleções. Segundo reportagem da agência Associated Press, a nova competição seria disputada por jogadores até 18 ou 19 anos e já seria um teste para a Copa do Mundo com 48 equipes, que o presidente da Fifa, Gianni Infantino, pretende adotar na edição de 2026.

Os torneios femininos para jogadoras mais jovens também poderiam ser reunidos, com a participação de 24 equipes.

As mudanças foram discutidas por Infantino com integrantes de associações nacionais em encontros realizados na Nigéria e na Mauritânia durante essa semana.

Pela proposta em discussão, o Mundial Sub-18 ou Sub-19 poderia ser realizado anualmente. Atualmente, os Mundiais sub-17 e Sub-20 são disputados a cada dois anos, em anos ímpares. E as exigências de número de sedes e estádios seriam menores do que as requeridas para uma Copa do Mundo com 48 times.

A Inglaterra é atual campeã mundial das duas competições. Os ingleses venceram o Mundial Sub-17 disputado em outubro passado na Índia, derrotando a Espanha na decisão por 5 a 2. E ganharam o Mundial Sub-20, em junho do ano passado, superando a Venezuela na final (1 a 0).

Globo Esporte