sexta-feira, 30 de março de 2018

Após realizar sonho no Corinthians, Serginho diz: "Só devo jogar mais um ano"

(Foto: Duda Bairros/Corinthians-Guarulhos)


No fim da partida contra o Sesi-SP na última quinta-feira, Serginho abraça seus companheiros no Corinthians. A emoção toma conta do bicampeão olímpico. Era o fim da primeira temporada da equipe de vôlei alvinegra. Um projeto que nasceu de um sonho do líbero, corintiano roxo, e chegou às quartas de final da Superliga. O jogador de 42 anos aprovou o primeiro ano do Timão e agora começa a se preparar para encerrar sua carreira.

- A gente está se despedindo do campeonato, mas fico feliz. Foi nosso primeiro ano, e jogamos de igual para igual contra uma equipe favorita ao título, com maior investimento. Mas como temporada foi muito boa. Fico feliz pelo projeto ter dado certo. Felicidade muito grande de vestir essa camisa. Corinthians perde hoje mais vai ganhar amanhã. Se quisermos alcançar voos mais altos, vamos ter que reforçar bem o time, o que é normal. Tenho contrato até junho. Vou esperar. Não sou eu que resolvo isso, mas a minha meta é encerrar a carreira no Corinthians, que eu devo jogar só mais um ano - disse Serginho.

Campeão da Taça Ouro, vice da Copa SP, vice paulista e sexto colocado na Superliga em sua primeira temporada, o Corinthians já anunciou a renovação da parceria com a Prefeitura de Guarulhos para continuar com sede no ginásio da Ponte Grande. O presidente Andrés Sanchez prometeu um time forte para a temporada 2018/19. É difícil imaginar que Serginho não esteja nos planos. Além de muito identificado com o Timão, o bicampeão olímpico é um espelho para o grupo. Motivo dos abraços emocionados ao fim da partida de quinta-feira.

- É gratidão. O Alan aceitou imediatamente o convite de jogar aqui no Corinthians. Ele me agradeceu por ter vivido mais uma temporada comigo. O Gabriel falou a mesma coisa. É legal ver o reconhecimento desses meninos, ver a evolução deles. Se espelham na gente de alguma forma. Fico feliz de saber que minha postura dentro e fora das quadras foi correta. Se tem uma coisa que ninguém nunca vai tirar de mim é o exemplo que eu dou dentro e fora de quadra - disse o líbero.

Serginho descartou antecipar a aposentadoria se não renovar o contrato com o Corinthians.

Globo Esporte