terça-feira, 20 de março de 2018

Rumo ao Guinness: fixo de 65 anos se torna o atleta mais velho a atuar na LNF

(Foto: Ray Nonato/Shouse)


O paraense Roberto Martins pode ter se tornado o atleta mais velho do mundo a atuar em um campeonato nacional de futsal. Nesta segunda-feira, o fixo de 65 anos participou de cinco dos 20 minutos da derrota por 7 a 1 da sua equipe, o Belém Futsal, para o São José, no Mangueirinho, em Belém, atingindo o status de jogador com mais idade a disputar uma partida da LNF. Roberto, que também é presidente da equipe, já chegou a procurar o Guinness Book para tentar homologar a sua marca. O veterano espera inspirar outras pessoas com o seu feito.

- Eu espero que isso mostre a muitas pessoas da minha idade que nós podemos fazer muitas coisas. Acho que a saúde está em primeiro lugar. Eu me cuido muito. Fui remador por quase 20 anos, e isso me ajuda bastante. Há seis anos procurei o Guinness para me registrar como o atleta de futsal mais velho do mundo em atividade, só que foi uma burocracia muito grande e a coisa não andou. Quem sabe agora com a divulgação na imprensa isso não acontece? Só que no momento a minha preocupação é apenas ajudar o meu time e passar uma mensagem bacana às pessoas - disse Roberto.

O jogador-presidente do Belém teve um início tardio no futsal. Até os 36 anos, ele foi remador profissional, tendo integrado inclusive a seleção brasileira de remo. A carreira nas quadras se iniciou apenas aos 42. Depois de um ano no Clube do Remo, ele chegou ao Belém Futsal, equipe que defende desde 1996.

- Quero que a imprensa faça uma análise crítica das minhas atuações. Não atuo para completar a equipe. Hoje (segunda-feira) atuei por cinco minutos pelas circunstâncias da partida. A minha média em quadra é de 10 a 15 minutos, maior até que a do Falcão - brincou.

Apesar do feito histórico de Roberto, o Belém Futsal saiu de quadra com uma derrota acachapante. Com gols de Tatu (dois), Gustavinho (dois), Leandrinho, Marcelo Paulista e Vinícius (contra), o São José aplicou uma sonora goleada por 7 a 1 em pleno Mangueirinho. O gol de honra dos paraenses - o primeiro do clube na história da LNF - foi marcado por Luizão. O próximo jogo do Belém é contra o Atlântico Erechim, no sábado, às 19h, em Erechim (RS).

- Realmente não foi uma estreia boa. Poderíamos ter jogado muito mais, acho que faltou experiência à nossa equipe. Só que eu creio que a gente vai se acertar e evoluir na temporada. Lutamos muito para entrar na Liga, agora vamos fazer de tudo para representar o Pará dignamente - finalizou Roberto.

Globo Esporte