quinta-feira, 21 de junho de 2018

Federer salva dois match points de francês e está nas quartas de final do ATP de Halle

(Foto: Getty Images)


O número 1 do mundo Roger Federer sofreu para vencer o francês Benoit Paire, atual 48 do ranking. Pelo ATP 500 de Halle, na Alemanha, ele bateu o adversário por 2 sets a 1, parciais 6/3, 3/6 e 7/6 (7). Federer precisou salvar dois match points de Benoit para avançar no torneio. Com o resultado, ele enfrenta nas quartas de final o australiano Matthew Ebden, atual 60 do mundo.

Em seis confrontos entre o suíço e o francês, o número 1 do mundo segue com 100% de aproveitamento. Apesar da ampla vantagem de Federer, Benoit foi um adversário difícil de ser batido. Com estilo diferente esteticamente - tem cabelo branco e barba grande -, o francês também mostrou personalidade em quadra. Fugindo de várias direitas, ele preferiu atacar em muitas jogadas com a esquerda. Sem contar nos inúmeros chiliques e atitudes descontroladas com a raquete.

O caminho dos 100 títulos

Atual campeão do torneio, Federer pode chegar a incrível marca de dez títulos apenas pelo ATP 500 de Halle. Se vencer, o suíço garante também a marca de 99 títulos na carreira e assim poderia conquistar o incrível centésimo troféu em Wimbledon. Aliás, o torneio na Alemanha é o último que o suíço vai disputar antes do Grand Slam britânico, marcado entre os dias 2 e 15 de julho.

O jogo

O duelo teve capítulos extremamente distintos, com diferentes protagonistas nas parciais. No primeiro set, Federer conseguiu vencer com uma quebra na reta final. Benoit Paire sacava em 3 games a 4 quando não conseguiu confirmar o serviço. Pois depois disso o show passou a ser solo do francês, que começou a se mostrar irritado, fazendo caras e bocas e dando incontáveis batidas com a raquete na grama.

Parecia que o segundo set seria moleza para o suíço tamanho o desequilíbrio do francês. Pois logo no primeiro game Federer teve condições de quebrar o serviço do adversário duas vezes. Mas, contrariando todas as expectativas, Benoit Paire fechou seu game e fez mais três na sequência. Ele chegou a vencer por 4 a 0. O suíço parecia extremamente desconcentrado com a postura do francês, mas chegou a devolver uma quebra. Ainda assim, Benoit venceu a segunda parcial por 6 games a 3.

O terceiro e derradeiro set não teve quebras e foi definido no tie-break. Benoit teve duas chances de fechar o jogo e vencer pela primeira vez na carreira o melhor do mundo. Mas, não foi dessa vez. Por 9 a 7, o suíço terminou com o sonho do francês e garantiu mais uma vez vaga nas quartas de final do torneio alemão.

Globo Esporte