segunda-feira, 20 de agosto de 2018

Após acidente grave, piloto da Fórmula Indy sofre múltiplas fraturas

(Foto: Reprodução)


Um acidente grave interrompeu o GP de Pocono, na Pensilvânia (EUA), válido pela etapa de número 14 da Formula Indy, neste domingo. Na sexta volta da corrida, Robert Wickens, piloto da Schmidt Peterson Motorsports, se chocou com Ryan Hunter-Reay, da Andretti Autosport, e acabou colidindo com o muro lateral. Além de rodar várias vezes, o carro ficou bastante danificado, perdendo boa parte de sua estrutura mecânica.

Em comunicado oficial, ainda neste domingo, a Fórmula Indy informou o estado de Wickens, que acabou por sofrer fraturas múltiplas em seu corpo.

“O piloto da Schmidt Peterson Robert Wickens está sendo tratado por lesões nas pernas, no braço direito e na coluna vertebral depois do acidente nas 500 Milhas de Pocono. O piloto também sofreu uma contusão pulmonar e vai passar exames de imagem e provavelmente por cirurgia no Hospital Lehigh Valley Medical”, escreveu.

Outros três corredores acabaram se envolvendo no acidente, incluindo o brasileiro Pietro Fittipaldi, além de Takuma Sato e James Hincicliffe. A corrida foi interrompida por cerca de duas horas e meia, mas, uma hora depois do choque, já existia a informação de que Wickens estava consciente, acordado e falando normalmente. Como adiantado pelo comunicado, o canadense passará por cirurgia e ficará longe das pistas por tempo indeterminado.



Gazeta Esportiva