sábado, 1 de setembro de 2018

Final brasileira! Carlos Barbosa e Sorocaba decidem Mundial de futsal na Tailândia

(Foto: Ulisses Castro/ACBF)


O Mundial de clubes de futsal terá mais uma vez uma final brasileira. E pela segunda vez consecutiva, Carlos Barbosa e Sorocaba irão decidir qual o melhor time de futsal do mundo. Em 2016, último ano em que competição foi disputada, melhor para o time de Falcão e cia, que conquistou pela primeira vez o título Mundial. A final será disputada neste domingo, às 5h (de Brasília), em Bangkok, na Tailândia.

O Carlos Barbosa chega à decisão após vencer o Barcelona, de virada, na primeira das semifinais da competição na Tailândia. Douglas Mariano, Valdin e Bruno Souza marcaram os gols da vitória por 3 a 1 sobre o time espanhol, que também foi derrotado pelo Sorocaba na primeira fase.

Em confronto mais complicado, o Sorocaba conseguiu vencer o Chonburi FC apenas no minuto final. Leandro Lino, Falcão e Marcel (duas vezes) marcaram para o time paulista.

Carlos Barbosa e Sorocaba decidem o Mundial de Clubes na madrugada deste domingo, às 5h (horário de Brasília), em Bangkok, na Tailândia.

Com muita intensidade e aberto, a semifinal entre Chonburi e Sorocaba começou com boas oportunidades para os dois lados. Após duas boas chances com Rodrigo e Marcel, o time brasileiro abriu o placar com Leandro Lino, que deixou o marcados para trás e soltou a bomba.

O empate do time tailendês veio logo em seguida, após bela trama dio Chonburi. O Sorocaba voltou a ficar à frente no placar após jogada ensaiada. Marcel recebeu bom passe em cobrança de falta e marcou o segundo do time paulista: 2 a 1.

Melhor na partida, o Sorocaba viu o time tailandês encontrar forças e virar o placar ainda na primeira etapa, com dois gols em sequência. O primeiro em cobrança de falta ensaiada e o segundo em um erro de saída de bola do time brasileiro.

Na volta do intervalo, o Sorocaba passou a imprimir boa pressão e jogou praticamente sozinho, em busca do gol de empate. O goleiro adversário foi o grande destaque, evitando em ao menos cinco chances claras o terceiro tento do time brasileiro. Restando quatro minutos para o fim do jogo, o Soocaba chegou ao empate com Falcão. O camisa 12 recebeu passe açucarado de Leandro Lino, goleiro-linha, ajeitou de perna esquerda e bateu colocado, sem chance para o goleiro do Chonburi.

E no melhor momento do time brasileiro, um problema com a iluminação no ginásio em Bangkok esfriou o confronto, que ficou parado por quase 15 minutos. No retorno, quando tudo indicava que a partida iria para a prorrogação, o Sorocaba mostrou que a insistência foi o grande diferencial da equipe na semifinal. Eder Lima recebeu a bola próxima da área do Chonburi, brigou pela bola com os defensores, até sobrar para Rodrigo, que deu passe embaixo da trave para a chegada de Marcel, que tocou para o gol e marcou o quarto do Sorocaba, o da vitória e da vaga na decisão do Mundial: 4 a 3.

Globo Esporte