domingo, 29 de outubro de 2017

Real Madrid sai na frente, leva virada do Girona e se distancia dos líderes do Espanhol

(Foto: Reprodução)


O domingo foi de Davi vencendo Golias na Espanha. Estreante na primeira divisão do Campeonato Espanhol nesta temporada, o Girona não se intimidou e foi para cima do Real Madrid desde o início da partida. Acertou duas bolas na trave, saiu atrás do placar - Isco marcou aos 11 do primeiro tempo - e ainda assim reuniu forças para virar e sair com uma vitória histórica por 2 a 1. No segundo tempo, Stuani e Portu - em posição irregular - garantiram o triunfo dos catalães e deixaram os madrilenhos ainda mais longe da liderança, a oito pontos do Barcelona.

Com a derrota, o Real Madrid estaciona no terceiro lugar com 20 pontos e vê o Barcelona, com 28, e o Valencia, com 24, abrirem grande vantagem na luta pelo título do Campeonato Espanhol.

Já o Girona, estreante na primeira divisão, conseguiu uma importante vitória na tentativa de se manter na elite da Espanha. Com 12 pontos, o time subiu para o 11º lugar.

Com a vitória do Girona, o Real Madrid perdeu os 100% de aproveitamento que tinha até aqui fora de casa no Campeonato Espanhol. Além disso, ainda viu um tabu ser quebrado: desde 1990, não perdia para times estreantes na primeira divisão da Espanha.

 Apesar de ter saído com a vantagem no placar após os primeiros 45 minutos, o Real Madrid sofreu com o Girona. Depois de pressionar nos minutos iniciais, o time da casa acertou a trave aos 11 minutos, após cruzamento de Maffeo, que foi direto para o gol. No contra-ataque, Cristiano Ronaldo arriscou de fora, Bono deu rebote e Isco aproveitou para abrir o placar. Com muitos erros de passe e falhas de marcação, o time de Zidane permitiu novas investidas do Girona, que parou na trave mais uma vez, aos 35, em cabeçada de Portu. Ficou uma sensação de injustiça pelo 1 a 0.

O time de Zidane seguiu num ritmo lento após o intervalo e pagou o preço pela displicência. Aos oito minutos, Pons fez grande jogada e a bola sobrou para Stuani tocar na saída de Casilla e empatar o jogo. O gol deixou o Real atordoado e, aos 13, Stuani bateu cruzado na área, Portu - em posição irregular - desviou de letra e virou o jogo para o Girona. Os madrilenhos se desesperaram e, com pouca criatividade, passaram a alçar bolas na área, sem sucesso. Lucas Vásquez ainda chegou a empatar, aos 38, mas o árbitro flagrou impedimento. Com o time postado atrás da linha da bola, o Girona se segurou como pôde para garantir o resultado.

Globo Esporte