sábado, 23 de dezembro de 2017

Com 1º quarto arrasador, Franca vence e encerra sequência positiva do Fla no NBB

 (Foto: Newton Nogueira)


Com um primeiro quarto arrasador, onde abriu 23 pontos, o Franca soube controlar o Flamengo, venceu por 100 a 82 e deu seu presente de Natal ao torcedor neste sábado, 23 de dezembro, no Pedrocão. O resultado encerrou a série de cinco vitórias seguidas do Fla no NBB e fez o time cair para a terceira colocação, atrás de Mogi e Pinheiros.

A vitória só não colocou o Franca no G-4 do NBB porque o Paulistano venceu o Vasco, no Rio de Janeiro, e está com um triunfo a mais que os francanos, que seguem na quinta posição - agora com seis vitórias e três derrotas.

O pivô flamenguista JP Batista terminou como cestinha do jogo, com 22 pontos. Pelo Franca, Léo Meindl fez 16 pontos e conseguiu oito assistências, mas o pivô Rafael Mineiro, ex-Fla, também se destacou, com um duplo-duplo – 16 pontos e 12 rebotes. Outro destaque foi para Marcelinho Machado. O veterano do Rubro-Negro fez nove pontos e chegou aos 5.500, o segundo atleta na história a atingir a marca no NBB – o primeiro foi o americano Shamell, atualmente no Mogi.

Depois das festividades de Natal, os dois times ainda entram em quadra neste ano. Na sexta-feira, Franca enfrenta o Pinheiros, em São Paulo, às 20h. Já o Fla terá o clássico contra o Vasco da Gama no dia seguinte, sábado, às 14h, na Arena Carioca 1.

Um quarto basta

O primeiro quarto definiu o destino de Franca e Flamengo no restante da partida. Os donos da casa foram avassaladores logo no início, quando abriram 9 a 0 e não deixaram o Flamengo pontuar por três minutos. Ao término do período, o placar mostrava 36 a 13 em favor do time francano, que mostrou uma forte intensidade defensiva, com nove rebotes contra apenas um do Rubro-Negro, além de um ataque solidário, com nove assistências diante de apenas um do rival carioca.

A intensidade do Franca no segundo quarto diminuiu, mas o Fla não soube aproveitar. Embora com mais chances ofensivas, os visitantes só conseguiram tirar dois pontos da diferença imposta no primeiro período.

Os dois últimos quartos foram praticamente espelhos do segundo, com o Rubro-Negro em sua tentativa de encostar no placar, porém, sem a eficiência que o Franca mostrou em administrar sua grande vantagem. No fim do quarto período, o Fla melhorou seu ataque, mas apenas para diminuir um pouco o prejuízo final: 100 a 82 em favor dos francanos.

Globo Esporte