Em dia de receber a taça de campeão inglês, City não consegue furar a retranca do Huddersfield Town

(Foto: Reuters)


O domingo foi de festa no Etihad Stiadium, afinal, o Manchester City recebeu em mãos a taça de campeão do Campeonato Inglês. Mas antes disso ainda teve jogo. E a partida não foi das melhores para o City: empate sem gols com o Huddersfield Town, equipe que briga contra o rebaixamento.

O Manchester City não ficava sem marcar um gol em um jogo pela Premier League desde o dia 31 de dezembro do ano passado, quando empatou também em 0 a 0 com o Crystal Palace.

O City encerra a sua campanha nesta Premier League contra o Southampton, fora de casa. Já o Huddersfield Town encara o Arsenal, no próximo domingo.

O Huddersfield Town teve uma grande atuação no primeiro tempo, jogando de igual para igual com o Manchester City, por pelo menos 30 minutos. Se defendeu com qualidade e criou ótimas chances, uma com Mooy e outra com Pritchard. Apesar de passar a maior parte da etapa inicial com a bola, o City não teve tantas oportunidades como se esperava. Claras mesmo, apenas duas, com De Bruyne.

Na etapa final, o Huddersfield abdicou de jogar e só ficou na retranca. Foram vários os chutões para longe e o time todo se postou atrás do meio-campo. Enquanto isso, o Manchester City teve controle quase que total da bola (79% de posse), mas encontrou muitas dificuldades para entrar na área adversária. As finalizações foram em condições ruins, no geral. Nenhuma no gol.

Muito legal a homenagem dos torcedores do Manchester City ao ex-técnico do rival Manchester United, Sir Alex Ferguson, que segue internado no UTI, após uma hemorragia cerebral.

Globo Esporte