quarta-feira, 25 de julho de 2018

Assessor de Sampaoli diz que técnico foi procurado por Corinthians e Santos; clubes negam

(Foto: Lars Baron - FIFA via Getty Images)


Jorge Sampaoli, que está livre no mercado desde que foi demitido da seleção da Argentina, após a Copa do Mundo, foi procurado por Corinthians e Santos, segundo seu assessor, Ezequiel Scher.

Em contato com o GloboEsporte.com, Scher afirmou que "emissários" do treinador e dos dois clubes mantiveram contato. Ele disse não poder revelar quem são essas pessoas, mas que o Santos procurou o treinador na semana passada (antes de demitir Jair Ventura, portanto), e que o contato do Corinthians foi feito na última terça.

Mas há contradição mesmo estre as pessoas próximas ao treinador. O advogado Fernando Baredes, questionado pela reportagem, foi sucinto ao responder se Santos e Corinthians o procuraram: "Ninguém, ainda".

– Sampaoli tem interesse de trabalhar onde há um bom projeto – afirmou, sem detalhes.

Pessoas ligadas à diretoria do Santos afirmam que o nome do argentino esteve em pauta nas conversas entre dirigentes. Ele foi descartado como o substituto de Jair Ventura, porém, antes mesmo que o desejo avançasse para uma sondagem – os cartolas entendem que não é o momento de buscar um treinador estrangeiro sem experiência no Brasil.

Na Vila Belmiro, Zé Ricardo, favorito, e Dorival Júnior foram procurados para ocupar o cargo vago desde segunda-feira. Ainda não há uma definição.

Já o Corinthians, que tem Osmar Loss como técnico, nega ter sondado Sampaoli.

Globo Esporte