domingo, 23 de setembro de 2018

Odair valoriza empate e evita polêmica com arbitragem: "Temos muito mais erros contra nós"

(Foto: Marcos Ribolli)


O Inter perdeu a chance de quebrar o tabu de não vencer o Corinthians em sua arena desde a inauguração. Mas o empate em 1 a 1 na tarde deste domingo não foi de todo ruim, considera o técnico Odair Hellmann. Na entrevista coletiva após o jogo, o comandante colorado avaliou o resultado positivo para o "contexto geral" do Brasileirão, ao mesmo tempo em que evitou comentar o gol impedido de Leandro Damião.

Odair lembrou que somar pontos passa a ser o maior objetivo a partir do momento que a vitória fica mais longe, principalmente em partidas fora de casa. Segundo ele, a maior posse de bola (51% a 49%) justifica o controle das ações diante do Timão em seus domínios. Mas faltou mais pegada ofensiva.

– Nós viemos para buscar os três pontos, como temos feito em todos os jogos fora de casa. Mas quando você não consegue o primeiro objetivo, o ponto é importante na somatória. Nós fizemos um bom jogo, demos poucas oportunidades de gol para o Corinthians. Tivemos até mais posse de bola. Significa que não só marcamos, mas jogamos. Quando abriu a transição, apressamos um pouquinho e isso nos complicou. No contexto geral, o resultado é positivo – disse Odair.

O chefe do vestiário colorado voltou a lembrar a estatística de que a maioria das equipes soma menos pontos no segundo turno, o que justifica a competitividade das últimas partidas. O Inter volta a Porto Alegre com um ponto em dois jogos fora de casa. Nada que diminua a confiança do clube para o prosseguimento do campeonato.

– São poucas equipes que conseguem fazer mais pontos no segundo turno do que no primeiro. Ninguém consegue disparar. O Corinthians, se tivesse o jogo da volta, colocaria o time titular com o jogo decisivo contra o Flamengo no meio de semana? Não. Mas se perde agora fica mais abaixo na tabela. Agora, um time que está em último como a Chapecoense faz o jogo da vida. Mesmo assim, continuamos desde a 16ª rodada entre os quatro, na ponta de cima da tabela, mantendo uma regularidade, próximos do líder – completou Odair.

Odair evitou entrar em polêmica em relação a arbitragem. Questionado sobre o gol de Leandro Damião em impedimento, alegou que ainda não tinha “assistido o lance” . No entanto, ao fazer uma análise geral, disse que o Inter foi mais prejudicado durante o campeonato todo, se for colocar na balança.

– Se realmente aconteceu a situação do impedimento, o Corinthians também tem todo direito de ficar chateado, reclamar. É humano, todos erram. Mas nós temos muito mais erros contra nós do que a favor. Se fosse gemer de tanto erro, já teria perdido a garganta. São critérios diferentes, pessoas diferentes.O Internacional não foi contra o VAR desde o início da competição. Foi a favor – argumenta.

O Inter chega aos 50 pontos e se mantém na segunda colocação do Campeonato Brasileiro, a um do líder São Paulo, que também tropeçou na rodada. No próximo domingo, recebe o Vitória, no Beira-Rio, às 16h.

Globo Esporte