quarta-feira, 15 de março de 2017

Comercial segura pressão, marca gol no fim e vence em estreia de novo treinador

(Foto: Reprodução)

Por Nicholas Araujo
Ribeirão Preto, SP


A noite era de estreia do técnico Luciano Dias no comando do Comercial. Com pouco tempo de preparação para o jogo, o Leão conseguiu segurar a pressão do então líder Olímpia e venceu por 1 a 0 no Estádio Palma Travassos. O gol saiu apenas aos 38 minutos do segundo tempo, quando Tiago Moura aproveitou a sobra dentro da área.

O resultado recoloca a equipe de Ribeirão Preto no G8 da competição, enquanto o Olímpia perdeu a liderança para o Internacional, que venceu na rodada, e será o próximo adversário do Comercial no sábado, as 18h30, em Limeira.

O Jogo

O Olímpia aproveitou as descidas do lateral Cortez para pressionar os donos da casa no primeiro tempo. Já a dupla Ronaldo e Tiago Moura utilizavam essas investidas para atacar nas costas do atleta do Galo. O Leão teve ao menos três chances no primeiro tempo para abrir o marcador, mas nenhuma com eficiência.

Os visitantes pouco atacavam, mas as investidas do Comercial trouxeram uma expulsão logo no primeiro tempo. O volante Luisinho recebeu dois cartões amarelos e foi mais cedo para o chuveiro.

Na segunda etapa, o Galo se fechou e o Bafo procurava os espaços, mas deixava campo aberto para os visitantes contra-atacarem. Neste momento, o técnico Luciano Dias promoveu alterações e colocou Jé, Cadu Barone e Abuda para ajudar o sistema ofensivo. O jogo melhorou, mas faltava tranquilidade ao alvinegro.

Então, aos 38 minutos, Tiago Moura balançou as redes. Jé achou o atacante livre, que chutou de primeira e o goleiro defendeu. O zagueiro veio para ajudar e tirou a bola em cima da linha, mas Moura teve bom reflexo, e de cabeça empurrou para as redes.

O Olímpia pressionou nos minutos finais, mas foi a vez do Comercial se fechar. Maranhão teve duas boas chances em cabeçadas para igualar o marcador, mas a defesa se antecipou e afastou o perigo, garantindo a vitória comercialina na noite desta quarta-feira.