quinta-feira, 30 de março de 2017

Suado! Federer supera Berdych, passa para semifinal e vê novo Fedal próximo

(Foto: Divulgação)


Fedal à vista! Em seu jogo mais complicado no Masters 1000 de Miami, Roger Federer salvou dois match points e avançou para a semifinal nesta quinta-feira ao vencer Tomas Berdych por 2 sets a 1, parciais de 6/2, 3/6 e 7/6 (6). Agora aguarda o vencedor de Nick Kyrgios x Alexander Zverev, duelo da nova geração. A outra semifinal será entre Rafael Nadal e Fabio Fognini, às 14h desta sexta-feira. Federer entra em quadra às 20h. A maior rivalidade do tênis pode ter um terceiro capítulo em 2017, depois da final do Aberto da Austrália e das oitavas no Masters 1000 em Indian Wells, ambas com vitória do suíço número 7 do mundo.


Federer começou o jogo de forma avassaladora, dominando as ações, batendo na direita, na esquerda, e deixando o adversário sem ter o que fazer no fundo da quadra. Quebrou o saque de Berdych no segundo game e quando teve um break point se safou. O tcheco tentava algumas boas devoluções, mas não era suficiente. No sétimo game, uma deixadinha incrível valeu a segunda quebra de serviço para o suíço (assista abaixo), que fez 5/2 e sacou para fechar o primeiro set.

O tcheco 14º do ranking voltou melhor no segundo set. Chegou a ter uma chance de quebra no segundo game, mas Federer se recuperou e manteve o saque. O tcheco mantinha bem o seu serviço, desferia bons golpes de direita e alcançou a quebra no oitavo game, fazendo 5/3 e sacando para o set. Berdych aproveitou a chance, subiu à rede e empatou o jogo com um erro de devolução de Federer. 

Era a primeira vez que os dois precisavam do terceiro set em Miami. E um jogo que estava bom aumentou o nível com boas paralelas do tcheco e contra-ataques eficazes do suíço. Berdych passou a ter dificuldade para confirmar o seu saque. No quarto game se livrou de duas quebras, mas no sexto não teve jeito. Federer fez 4/2 e quando a vitória parecia encaminhada errou muito e levou uma quebra de zero no nono game. Na sequência foi a vez do tcheco salvar um match point e crescer no saque e na devolução para empatar em 5/5.

O equilíbrio se manteve - só no número de winnners foram 37 para cada lado. E a decisão da vaga foi para o tiebreak. Federer se recuperou de um mini break e virou a parcial para 2-1. Se falhava na dupla falta, o suíço compensava com aces. Bem postado em quadra, Berdych alcançou chegou a 6-4 com dois match points. Jogou o primeiro na rede e o segundo devolveu para fora: 6-6. Veio um ace de Federer e um match point para o suíço. Na dupla falta do tcheco, veio a suada vaga com 8-6.

Globo Esporte