Racing alega problema médico, desiste de ter Allione e surpreende Palmeiras

 (Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia)


Uma notícia na noite desta sexta-feira pegou de surpresa o Palmeiras. O Racing comunicou que desistiu do negócio por Allione depois de o meia ter sido reprovado em exames médicos em função de um problema em um dos joelhos.

No clube brasileiro, a sensação é de que se trata de uma justicativa – publicada primeiramente pelo jornal Olé, da Argentina – para não pagar o que era pedido.

O desejo do Palmeiras era um empréstimo com venda estipulada em US$ 2,5 milhões por 50% dos direitos econômicos do jogador de 23 anos.

Allione, que estava emprestado ao Bahia até o final de 2018, chegou a se reunir com a diretoria palmeirense na última terça-feira, em São Paulo, para definir os últimos detalhes da transação.

Surpreendido com a desistência do Racing, o Palmeiras volta a discutir o futuro do argentino, que foi contratado em 2014 e tem vínculo válido até julho de 2020. Ele ainda não sabe se retornará ao Bahia.

No começo da temporada, ele finalmente seria aproveitado, mas voltou a perder espaço após a chegada de Gustavo Scarpa e foi cedido ao Bahia pelo segundo ano consecutivo. Esta negociação, inclusive, deu ao Palmeiras a preferência de compra de Zé Raphael, meia do clube baiano.

Globo Esporte